BOLSONARO: “CHEGOU A HORA DE COLOCAR TUDO NO LUGAR”

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta quarta-feira (17/06), no Palácio da Alvorada, que houve abusos na operação autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) contra seus aliados e que “está chegando a hora de tudo ser colocado no devido lugar”.

“Eu não vou ser o primeiro a chutar o pau da barraca. Eles estão abusando. Isso está a olhos vistos. O ocorrido no dia de ontem, no dia de hoje, quebrando sigilo parlamentar, não tem história nenhuma visto numa democracia, por mais frágil que ela seja. Então tá chegando a hora de tudo ser colocado no devido lugar”, afirmou o presidente, no jardim do Palácio da Alvorada, perante apoiadores, que gravaram as declarações em vídeo.

As declarações desta quarta-feira ecoam as do dia anterior, quando o presidente disse que não vai “assistir calado enquanto direitos são violados e ideias são perseguidas”. Ele negou ligação do governo com o autoritarismo e afirmou que sempre esteve ao lado da democracia e da Constituição.

“O histórico do meu governo prova que sempre estivemos ao lado da democracia e da Constituição brasileira. Não houve, até agora, nenhuma medida que demonstre qualquer tipo de apreço nosso ao autoritarismo, muito pelo contrário. Luto para fazer a minha parte, mas não posso assistir calado enquanto direitos são violados e ideias são perseguidas”, escreveu Bolsonaro em várias redes sociais.

“Por isso, tomarei todas as medidas legais possíveis para proteger a Constituição e a liberdade dos brasileiros”, acrescentou o chefe de Estado. Ele denunciou ainda “ataques concretos” ao Executivo e acrescentou que “tem suportado” todos os “abusos presenciados nas últimas semanas” sem desrespeitar “nenhuma regra democrática”.

DW

Você pode gostar...